Foreo Luna: Essa Escova Presta?

Finalmente vamos falar de pele!

Olá, bem vinda a este post!

Hoje, vou falar de algo que eu tenho há no mínimo, dois anos!

Foreo Luna

Ouvindo falar muito bem da Foreo Luna, fiquei curiosa e resolvi comprar. Foi uma verdadeira febre, blogueiras amando, lojas vendendo, aquele auê do jeito que eu gosto!

Só um adendo,  ouvi falar da Luna mas comprei a ching ling….a “prima chinesa”…rsrsrsrs.

A original nem era tão cara na época, mas eu sou o tipo de pessoa que não me preocupo muito com a minha pele, e pra dizer a verdade, faço o básico do básico.

Muitas pessoas até me perguntam como faço pra ter a pele iluminada e isso e aquilo mas quando eu respondo, elas ficam desapontadas.

Graças a Deus a genética afro é abençoada. Dificilmente aparecem rugas!😏

Aqui em Portugal o inverno é bem rigoroso, então eu uso o meu ácido hialurônico.

No verão, mas não todos os dias, passo aquele Vichy 89 e um protetor solar.

Minha única preocupação são as manchas pois a minha pele mancha muito fácil. Se eu apertar uma espinha fica um borrão preto por semanas no rosto.

Antes de mais nada, deixa eu contar uma coisa, minha pele é oleosa na zona T, porém não me incomoda não, já me habituei, porém esse é o “único problema grave” que eu detecto nela.

Rosto em T - Foreo Luna: Essa Escova Presta?

Quais são os benefícios comprovados do uso de uma escova de limpeza?

Vários estudos foram realizados para avaliar a eficácia da utilização de escovas de limpeza facial com tecnologia sônica, em comparação com a limpeza manual.

Um estudo publicado no Journal of the American Academy of Dermatology descobriu que cosméticos e produtos de longa duração requerem uma limpeza mais profunda da pele, tornando difícil a remoção da maquiagem, especialmente em rugas e rugas faciais, poros e cicatrizes de acne no rosto. Entretanto, o estudo também mostrou que “as escovas de limpeza sônica são muito mais eficazes na remoção da maquiagem do que a limpeza manual” [1].

Uma avaliação clínica publicada no Journal of the American Academy of Dermatology testou como uma escova de limpeza facial poderia remover o protetor solar e descobriu que “a limpeza é mais eficaz do que remover mais protetor solar (químico, físico-químico) (combinações e produtos químicos com 80-minutos de resistência à água), deixando a pele mais limpa do que a limpeza manual em todos os estudos”[2][3]. Outro estudo demonstrando a eficácia do uso de escovas de limpeza sônica no rosto descobriu que “a limpeza sônica é mais eficaz do que a limpeza manual na remoção do protetor solar (químico, físico-químico).

Outro estudo demonstrando a eficácia do uso de Sonic é uma avaliação bilateral de um regime facial isolado em comparação com um regime facial usando uma escova de limpeza Sonic. Neste estudo, “o lado do rosto limpo com a escova de limpeza Sonic melhorou o brilho/brilho/ luminosidade, uniformidade do tom de pele, suavidade da textura da pele, aparência geral da hiperpigmentação e claridade da pele“. Foi considerado superior aos lados do rosto limpos manualmente em termos de sensação/fairritude, e clareza da pele…”. “[3]

Uma escova de limpeza que aumenta o brilho e a luminosidade da pele. Motivo suficiente para sair e comprar agora. kkkkkkkkkkkkkkk

Fatos positivos

Como você pode ver, todos os estudos acima mostram que utilizar uma escova de limpeza é muito melhor para limpar seu rosto.

Ela também fornece uma solução eficaz para a remoção da maquiagem e proteção solar. Embora possa parecer um passo desnecessário e demorado em sua rotina de cuidados com a pele, a utilização de uma escova de limpeza pode economizar muito mais esforço e tempo a longo prazo.

escface 300x193 - Foreo Luna: Essa Escova Presta?

O que o “Foreo Luna” promete para a pele

Foreo é uma empresa de beleza e tecnologia especializada em ferramentas de limpeza facial e dentária feitas de seu ingrediente estrela, o silicone.

Foreo Luna é uma gama de escovas faciais mecânicas feitas de silicone de grau médico que são seguras mesmo para peles sensíveis e são higiênicas; A tecnologia incorporada na escova é chamada de pulsação T-Sonic que proporciona limpeza profunda, anti-rugas e efeitos de massagem.

A Luna 2 é uma excelente escolha para uma escova de limpeza facial, pois oferece 12 intensidades de velocidade diferentes e você não precisa se preocupar em comprar uma cabeça de escova substituta. O Luna 2 também possui uma porta de carga à prova d’água, que oferece 450 usos entre cargas. Fácil de limpar e ligeiramente em forma de ovo.

O que eu acho da “Foreo Luna” e como uso na pele

 Eu adoro essa escova !!!

Antes de usar, passo uma agua micelar na pele pra tirar a maquiagem.

Geralmente uso todos os dias, principalmente no verão. Ela faz uma massagem gostosa na pele e eu sinto que realmente limpa.

Outro ponto positivo, é que basta colocar uma gota de sabonete liquido e pronto. Ela faz o produto render muito. Quando lavamos o rosto somente com as mãos, gastamos muito mais sabonete, com certeza!

Custo x benefício, vale muito a pena, visto que ela vai durar praticamente pra sempre…rsrsrsrs, ela é de silicone, então não fica impurezas como em uma escova de cerdas que depois de “algumas” lavagens é preciso trocar a cabeça da escova.

Esse é um investimento que eu fiz e não me arrependo!

Bom, espero que você tenha gostado e se tiver alguma dúvida, coloque um comentário aqui que farei questão de te responder, ok? Até o próximo post!1f49c - Foreo Luna: Essa Escova Presta?

[1] “Uma nova metodologia de maquiagem fluorescente usada para medir a eficácia de limpeza de um pincel sônico para cuidados com a pele”. Jornal da Academia Americana de Dermatologia , fevereiro de 2007, volume 56, edição 2, suplemento 2, página AB38

[2] “Avaliação da eficácia de limpeza de uma escova sônica para a pele na remoção de filtro solar”, Journal of the American Academy of Dermatology , maio de 2016. Volume 74, Edição 5, Suplemento 1, Página AB32

[3] “Avaliação clínica randomizada e dividida da face da eficácia de um regime facial isolado versus um regime facial usado com uma escova de limpeza sônica”. Journal of the American Academy of Dermatology , maio de 2015, volume 72, edição 5, suplemento 1, página AB26

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *